Letra da música
Eta Saudade Danada
Berenice Azambuja

CD Chimarrão e Água de Côco (1999)


Quando a saudade aperta
O meu coração
Bate forte uma tristeza
É pura solidão
Tudo o que eu queria agora
É poder te abraçar
Buscar no teu corpo o calor
Que eu nunca mais senti

Ah, que saudade danada
Daquele tempo em que nós dois
Andávamos por este mundo
Brincando de amor
Esta saudade danada
Machuca o meu coração
Ponte, pra sempre me tire,
Desta solidão.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) quando a saudade aperta o meu coração bate forte uma tristeza É pura solidão
Chimarrão e Água de Côco de Berenice Azambuja

Com uma trajetória de sucesso Berenice Azambuja em seu CD Chimarrão e Água de Côco, lançado em 1999, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Berenice Azambuja.

Parceiros