Letra da música
Baita Macho
Os Serranos

LP Baita Macho (1977)


Esta música está disponível para ouvir

Amarrei o cavalo no tronco
Entrei no baile chutando o capacho
E já senti no olhar das velhas e suspiro das moças
Mas que baita macho

Mas que baita macho
Mas que baita macho
E fui dançar com a mulher mais linda
Nos apertamos de cima pra baixo
Ela parou no meio da sala e me puxou no pala
Mas que baita macho

Mas que baita macho
Mas que baita macho

Tirei a gaita da mão do gaiteiro toquei um xote de atolar nos baixos
Os mais valentes se desmunhecaram e então cantaram
Mas que baita macho

Mas que baita macho
Mas que baita macho

Larguei a gaita e peguei minha prenda
E o salão que veio a baixo
O mulherio se escabelou, todo salão cantou
Mas que baita macho

Mas que baita macho
Mas que baita macho

Peguei a mão da minha morena
Ela de mão no meu barbicacho
E lá na estrada a gente escutava o povo que cantava
Mas que baita macho

Mas que baita macho
Mas que baita macho


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

POVO: Vila, distrito.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Amarrei o cavalo no tronco Entrei no baile chutando o capacho E já senti no olhar das velhas e suspiro das moças Mas que baita macho
Baita Macho de Os Serranos

Com uma trajetória de sucesso Os Serranos em seu LP Baita Macho, lançado em 1977, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Serranos.

Parceiros