Letra da música
Alma Chamamecera
Shana Muller

CD Brinco de Princesa (2010)


Minha alma chama mecera
Solfeja notas em assovio
E eu perco a noção das horas
Ponteando o pinho em noites de frio.

Saudades da terra boa,
Cheiro de mato, costa de rio
É a tristeza que se achega
Chaira sua faca, aumentando o fio.

Por que será que se parte?
Por quantas vezes me perguntei
Ganhei o mundão por diante
Buscando os sonhos que inventei

É preciso andejar muito
Pra descobrir o que agora sei
Coisas que tinham valor
Com o passar do tempo, hoje já não tem.

É estranho esse sentimento
De amor profundo por nosso chão
Fica guardado no peito
Bem lá no fundo do coração

E quando menos se espera
Vem desaguar na foz da emoção
Vem me sofrenando a alma
E a saudade cobra recordação.

O rio dos olhos se inunda
Sai do seu leito, campo afora vai
Levando tudo por diante
Feito as enchentes do uruguai
Um verso amigo se achega
Pra enxugar o pranto que do rosto cai
O peito transborda mágoa
E a garganta arde num sapucaí.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) minha alma chama mecera solfeja notas em assovio e eu perco a noção das horas ponteando o pinho em noites de frio.
Brinco de Princesa de Shana Muller

Com uma trajetória de sucesso Shana Muller em seu CD Brinco de Princesa, lançado em 2010, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Shana Muller.

Parceiros