Letra da música
A Saudade Que Ficou
Teixeirinha

LP Última Geneteada / Menina que Passa (1974)


Cadê as marchas bonitas dos tempos de antigamente
dos carnavais que passaram que pena hoje é tão diferente
na quarta-feira de cinzas o carnaval acabava
mas as marchinhas bonitas meu bem o ano inteiro a gente cantava


cadê as marchas bonitas dos tempos de antigamente
dos carnavais que passaram que pena hoje é tão diferente
na quarta-feira de cinzas o carnaval acabava
mas as marchinhas bonitas meu bem o ano inteiro a gente cantava

os carnavais de hoje em dia finda também quarta feira
só as marchinhas dão vida pra gente morrem ao baixar a poeira
o noel rosa morreu francisco alves também
a velha guarda inteirinha partiu subiu o céu e não vem
oh velha guarda querida dos carnavais que passou
pra cantar e compor como eles meu bem nenhum herdeiro ficou

cadê as marchas bonitas dos tempos de antigamente
dos carnavais que passaram que pena hoje é tão diferente
na quarta-feira de cinzas o carnaval acabava
mas as marchinhas bonitas meu bem o ano inteiro a gente cantava

os carnavais de hoje em dia finda também quarta-feira
só as marchinhas dão vida pra gente morrem ao baixar a poeira
o noel rosa morreu francisco alves também
a velha guarda inteirinha partiu subiu o céu e não vem
oh velha guarda querida dos carnavais que passou
pra cantar e compor como eles meu bem nenhum herdeiro ficou

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Cadê as marchas bonitas dos tempos de antigamente dos carnavais que passaram que pena hoje é tão diferente na quarta-feira de cinzas o carnaval acabava mas as marchinhas bonitas meu bem o ano inteiro a gente cantava
Última Geneteada / Menina que Passa de Teixeirinha

Com uma trajetória de sucesso Teixeirinha em seu LP Última Geneteada / Menina que Passa, lançado em 1974, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Teixeirinha.

Parceiros