Letra da música
Amigo Velho
Ademar Silva

LP Brasil Gigante (2002)


Amigo velho bote a preguiça pra um lado
E vá lá em casa me fazer uma visita
Nós não devemos viver assim afastados
Porque a amizade é a coisa mais bonita

Lá no meu rancho quando chega uma visita
Sempre é motivo de grande satisfação
Tem cara alegre, sombra boa e água fresca
Chaleira, cuia e erva pro chimarrão

Falado:
"Vai te achegando amigo velho,
poque no nosso rancho a tramela é pelo lado de fora da porta."

Amigo velho bote a preguiça pra um lado
E vá lá em casa me fazer uma visita
Nós não devemos viver assim afastados
Porque a amizade é a coisa mais bonita

Você amigo que mora em apartamento
Que a criançada vive presa por aí
Chegue lá em casa que tem um terrero grande
Lugar bastante pros piá se divertir

Falado:
"É isso aí meus amigos, lá em casa tenho arvoredo.
Porco no chiqueiro e galinha no terreiro.
E tem até um lugarzinho pra criançada arrancar minhoca."

Amigo velho bote a preguiça pra um lado
E vá lá em casa me fazer uma visita
Nós não devemos viver assim afastados
Porque a amizade é a coisa mais bonita

A amizade não se compra e nem se vende
E é por isso que cantando eu sempre digo
A vida é curta e o pouquinho que me resta
Quero viver ao lado dos meus amigos

Falado:
"E este é o convite pra todos os amigos de todo Brasil.
É só querer chegar que o Ademar Silva está sempre de braços abertos."

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Amigo velho bote a preguiça pra um lado E vá lá em casa me fazer uma visita Nós não devemos viver assim afastados Porque a amizade é a coisa mais bonita
Brasil Gigante de Ademar Silva

Com uma trajetória de sucesso Ademar Silva em seu LP Brasil Gigante, lançado em 2002, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Ademar Silva.

Parceiros