Letra da música
Bailanta do Povoado
Paulo Fogaça

CD Ao Vivo em Mafra/SC (2016)


Hoje tem bailanta no povoado
Vai estar apertado de pares dançando
E o gaiteiro vem vindo da serra
No tranco do baio e a gaita roncando.

E a moçada campeira aqui da minha terra
Tá de bota nova pra bailar a vaneira
Cai nos braços da linda morena.
A noite vai embora e se torna pequena

E vai pra lá, e vai pra lá
E vem pra cá, e vem pra cá
Só vou me embora depois que a gaita parar.

Quando vem chegando a madrugada
Tem gente apaixonado querendo namorar
No balanço bugio e vanera
Levanta poeira até o dia clarear.

E a moçada campeira aqui da nossa terra
Tá de bota nova pra bailar a vaneira
E nos braços da linda morena.
A noite vai embora e se torna pequena

E vai pra lá, e vai pra lá
E vem pra cá, e vem pra cá
Só vou me embora depois que a gaita parar.


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

TRANCO: Andadura lenta dos eguariços.

BOTA: Calçado com cano (curto, médio ou longo), feito de couro.

BUGIO: Guariba, primata sul-americano.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Hoje tem bailanta no povoado Vai estar apertado de pares dançando E o gaiteiro vem vindo da serra No tranco do baio e a gaita roncando.
Ao Vivo em Mafra/SC de Paulo Fogaça

O CD foi gravado ao vivo em Mafra, SC, no Centro de Eventos Raízes da Tradição e possui um repertório de músicas que tornaram-se verdadeiros clássicos na voz de Paulo Fogaça ou na gaita do Canudo como: Castelhana, Canta Catarina, A Primeira Vez, Capricha Gaiteiro, Domingueiro, Descendo Pra Fronteira, Alma de Pampa, Cá No Fim Do Mundo, De Chão Batido, Nossa Vaneira, Bugio do Chico, Sina de Andejo, Farrancho Missioneiro e Gauderiando.

Parceiros