Letra da música
Apito Final
João Chagas Leite

CD Amigo do Peito (1998)


Não rangem mais as rodas sobre os trilhos
Rasgando os campos, escrevendo a história
Não serão úteis para os nossos filhos
Porque morreram pobres e sem glória.
Alguém matou o velho trem de ferro
Que fez a pampa acordar mais cedo
E ouviu o boi pelas manhãs o berro
Que viu ovelha a correr de medo

Correm os trens no mundo como a ciência
Faz-se o trem bala sempre mais veloz
Enquanto aqui por falta de consciência
Vira sucata o que pagamos nós.

Por que com ele sepultaste tudo
Quando se fez por mais de um centenário
O rio grande assiste quedo e mudo
O triste fim de seu itinerário.
Não é saudade, não é só lamento
Que nos leva a sentir sua agonia
É perceber que o descarrilamento
Lhe foi imposto, o trem não merecia.


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

PAMPA: Descampados cobertos de vegetação rasteira onde a vista se estende ao longe; compreende desde a Província da Pampa Austral, ao sul de Buenos Aires (Argentina) até os limites do RGS com o Estado de Stª Catarina (Brasil).

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Não rangem mais as rodas sobre os trilhos rasgando os campos, escrevendo a história não serão úteis para os nossos filhos porque morreram pobres e sem glória.
Amigo do Peito de João Chagas Leite

Com uma trajetória de sucesso João Chagas Leite em seu CD Amigo do Peito, lançado em 1998, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de João Chagas Leite.

Parceiros