Letra da música
Apartando a Eguada
Alberi Silva

CD Reverenciando a Minha Terra (2013)


(Palito Portela)

Meu patrão velho já tá de mate cevado
Toda peonada apresilhando as esporas
É mais um dia de campeada e recoluta
Rotina bruta de quem trabalha pra fora
Bem a cavalo, saímos assobiando
Lá no varzedo nos espera uma tropilha
Eguada gorda de pelo liso brilhando
Pisa com nojo nas flores de maçanilha
Aparta pelo as já estão pedindo arreio
Envergadura de empurrar boi nas coxilhas
E a refugada pra veiaquear nos rodeios
Fazer floreio na Semana Farroupilha

Escramuçando vem chegando pra mangueira
Se engaleonando ao cincerro da égua madrinha
Adelgaçada começa segunda-feira
A manuseio, maneador e estrebaria
Bocal sovado de barrigueira de touro
Corda de baixo pra se golpear num floreio
Domo a capricho pra tentear um Freio de Ouro
Puxar um couro nas paleteada' de Esteio
Vai pra o palanque bufando e dando negada
Passa a maneia, rasqueia e senta as encilha'
Chega, parceiro, que tá contigo a bolada
Que esta eguada tá precisando forquilha

Aparta pelo as já estão pedindo arreio...

Vai pra o palanque bufando e dando negada...

Compartilhe

(letra e música para ouvir) (Palito Portela) Meu patrão velho já tá de mate cevado Toda peonada apresilhando as esporas
Reverenciando a Minha Terra de Alberi Silva

Com uma trajetória de sucesso Alberi Silva em seu CD Reverenciando a Minha Terra, lançado em 2013, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Alberi Silva.

Parceiros