Letra da música
Tábua de Salvação
Flávio Mattes

LP Apêlo (1982)


Flávio Mattes / Bruno Neher
Canção rancheira

No faça com que eu me aborreça
Erga a cabeça e vai embora
Cuide bem do nosso filhinho
E dando carinho minha senhora
Eu prefiro partir e deixar tudo
Por que acho absurdo bater em mulher
Mas do jeito que eu estou notando
Você está me forçando e é isso que quer.

Eu não sei se o destino
Que fez o menino agarrar-se comigo
E me faz perder a coragem
De arrumar a bagagem ficando contigo
É por isso que eu te aturo
Confesso e te juro de coração
Cuide bem desta criança
Ele é a tua segurança, e tua tábua de salvação

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Flávio Mattes / Bruno Neher Canção rancheira No faça com que eu me aborreça
Apêlo de Flávio Mattes

Com uma trajetória de sucesso Flávio Mattes em seu LP Apêlo, lançado em 1982, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Flávio Mattes.

Parceiros