Letra da música
A Flor da Corticeira
Floreio Nativo

CD Investida (2010)


(Letra: Eduardo Corrêa | Música: Arthur Boscato/Régis Milan)

Campeei teus olhos pelo horizonte
Busquei teu cheiro no sopro do vento
Só vi boieiras mirando de longe
As brancas melenas que ganhei do tempo
Troquei teu riso por som de cincerros
Teu colo suave por colchão de xerga
Me fiz eterno no lombo dos cerros
Te eternizei nas flores da corticeira

A quincha do rancho foi testemunha
Do adeus velado, lágrimas pungentes
Guardou tristezas, pios de uma coruja
E um mate do estrivo que ficou latente
Cuia e cambona em raiz recostados
Jujando as teias da espera sofrida
Restos de orvalho ficaram guardados
Pra quando um retorno fechar as feridas

Plantei lembranças pelo oitão do rancho
Sementes de anseios, mudas de luar
Frutos da vida que herdei do campo
E a flor da corticeira que eu não vi brotar
Ouço milongas no chiar do braseiro
Do fogo que arde nessas invernias
Secando o suor que trago nos arreios
Que me aquece as garras, deixa a alma fria

A quincha do rancho foi testemunha...

Compartilhe

(letra e música para ouvir) (Letra: Eduardo Corrêa | Música: Arthur Boscato/Régis Milan) Campeei teus olhos pelo horizonte Busquei teu cheiro no sopro do vento
Investida de Floreio Nativo

Com uma trajetória de sucesso Floreio Nativo em seu CD Investida , lançado em 2010, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Floreio Nativo.

Parceiros