Letra da música
Amor Sem Fronteira
Os Farrapos

LP Doze Braças (1991)


Cavalgando meu cavalo pela estrada
Andar de pressa quero ver a minha amada
A galopito meu cavalo upa-upa
E eu carregando esta saudade na garupa.

Esta saudade me acompanha onde eu for
Mas vou deixá-la quando encontrar o meu amor
Vou dar um tombo nesta saudade que falo
China na anca, saudade cai do cavalo.

E vou cantando esta cantiga bem campeira
Nela dizendo pra o amor não te fronteira

Carrego a china sem temer a noite escura
A galopito porque a china esta segura
E o meu cavalo se empinando sem paciência
Como a dizer vamos voltar pra querência.

Pro meu ranchinho bem distante da cidade
Com esta china eu completo a felicidade
Quando chegar ao gorjear dos passarinhos
Canto pra ela abraçado no eu pinho.


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

TOMBO: Queda.

CHINA: Mulher mameluca (primeira companheira do gaúcho).

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Cavalgando meu cavalo pela estrada andar de pressa quero ver a minha amada a galopito meu cavalo upa-upa e eu carregando esta saudade na garupa.
Doze Braças de Os Farrapos

Com uma trajetória de sucesso Os Farrapos em seu LP Doze Braças, lançado em 1991, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Farrapos.

Parceiros