Letra da música
Segredos Do Meu Cambicho
Leopoldo Rassier

CD Coletânea (0)


Num fim de tarde de qualquer domingo
encilho o pingo e saio faceiro
arrastar asas pra china rita
filha bonita do bolicheiro
levo a cordeona sempre na garupa
e já num upa sigo pra o bolicho
meu pingo baio marcha com aprumo
pois sabe o rumo deste meu cambicho.

peço uma pura pra aquecer os dedos
e os meus segredos escapam da garganta
a noite escura no olhar da china
de relancina vem buscar quem canta.

como faz bem à alma do gaudério
esse mistério do olhar da amada
a gaita entende esses olhares mudos
que dizem tudo sem falarem nada

e quando eu volto pra os meus pelegos
desassossegos trago por parceiro
um dia caso com a china rita
filha bonita desse bolicheiro.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Num fim de tarde de qualquer domingo encilho o pingo e saio faceiro arrastar asas pra china rita filha bonita do bolicheiro

Parceiros