Letra da música
A Minha Gente do Sul
Os Tiranos

CD De Um Canto Saudade (2004)


A minha gente quando dança uma vaneira
É brincadeira tchê, é brincadeira
A sala véia fica assim até as beira
Com minha gente do sul quando dança uma vaneira

A minha gente conheçe o divertimento
Um fandango flor dos buenos o gaitero pacholento
Vai que se vai no salão meio lançante
E o indio procura espaço e sai limpo logo diante

A minha gente quando dança uma vaneira
É brincadeira tchê, é brincadeira
A sala véia fica assim até as beira
Com minha gente do sul quando dança uma vaneira

A minha gente quando dança uma vaneira
É brincadeira tchê, é brincadeira
A sala véia fica assim até as beira
Com minha gente do sul quando dança uma vaneira

A minha gente na boca da madruga
Ta na lida forçejando e as vezes quebrado geada
É pura sepa e sobra disposição no calo da coxilha
Lavada com paixão

A minha gente quando dança uma vaneira
É brincadeira tchê, é brincadeira
A sala véia fica assim até as beira
Com minha gente do sul quando dança uma vaneira


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

FANDANGO: Denominação genérica do Baile Gaúcho.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) a minha gente quando dança uma vaneira É brincadeira tchê, é brincadeira a sala véia fica assim até as beira com minha gente do sul quando dança uma vaneira
De Um Canto Saudade de Os Tiranos

Com uma trajetória de sucesso Os Tiranos em seu CD De Um Canto Saudade, lançado em 2004, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Tiranos.

Parceiros