Letra da música
Por Isso Que Eu Vou Lá
Os Monarcas

DVD Ao Vivo 40 Anos (2012)


Num baile cuiudo a cordeona roncava
E a sinhá maria caiu no salão
Naquele momento um casal que passava
Junto a sinhá, também o seu adão.

Os dois levantaram e seguiram dançando
Em baile de rancho ninguém liga, não
É tanta alegria se bamo a la cria
É xote, é rancheira, também vanerão.

Por isso que eu vou lá, lá me sinto bem
Por isso que eu vou lá, ninguém repara ninguém.

Mulherada chega exalando perfume
Um candiero dá lume pra tudo clareia
Bombacha rustida não muda o costume
Também não impede o peão namorar.

Uma gaita que chora, um violão que soluça
Meu peito escaramuça de tanta emoção
Bispando um olhar que vem de revesgueio
Tenteando um floreio pra alguma paixão.


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

RANCHO: Primeira habitação erguida no Continente de São Pedro, edificada com material que abundava no local (leiva, torrão, pedra ou pau-a-pique e barreado), coberto com quincha.

PEÃO: Operário de estabelecimento rural ou associado de entidade tradicionalista.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Num baile cuiudo a cordeona roncava E a sinhá maria caiu no salão Naquele momento um casal que passava Junto a sinhá, também o seu adão.

Parceiros