Letra da música
É Tempo de Casar
Teixeirinha

LP Entre a Cruz e o Amor (1971)


I
no lombo domeu cavalo
É que eu ganho aminha vida
desde os tempos de menino
que eu entendo da lida
quando vou parar rodeio
prendo ogado na mangueira
tambÉm prendo o coraÇÃo
de muita moÇa solteira

‘eira boi, eira, eira boi boiada
prendo o boi no laÇo e a prenda no braÇo
minha namorada
eira boi, eira, eira cÉu azul
na pz ou na guerra amo a minha terra
o rio grande do sul’

ii
tenho uma linda fazenda
firmeza no pensamento
estou amando uma prenda
jÁ pedi em casamento
quero casar muito breve
deixar de viver sozinho
nÃo vejo o dia nem a hora
prÁ ir buscar meu benzinho

‘eira boi, eira, eira coraÇÃo
nÃo te arrependa
vai buscar a prenda da tua paixÃo
eira boi, eira, eira liberdade
sÓ nÃo vivo bem
quero ter alguÉm
prÁ sentir saudade’

iii
minha prenda É bonitinha
sincera como ninguÉm
mando uma carta prÁ ela
recebo outra tambÉm
as cartas queela me manda
lei tocando a boiada
cada vez me prendo mais
no amor dessa malvada

‘eira boi, eira, eira vou gritando
pela estrada a fora
vou buscar agora
quem estÁ me esperando
eira boi, eira, eira solidÃo
desci do cavalo
levei um pialo bem no coraÇÃo’

Compartilhe

(letra e música para ouvir) I no lombo domeu cavalo É que eu ganho aminha vida desde os tempos de menino
Entre a Cruz e o Amor de Teixeirinha

Com uma trajetória de sucesso Teixeirinha em seu LP Entre a Cruz e o Amor, lançado em 1971, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Teixeirinha.

Parceiros