Letra da música
Cavalo Baio
Porca Véia

CD Gaudéio por Excelência (1999)


Nos rodeios do meu pago em dia de marcação
Era eu e meu cavalo garboso alto do chão
Esta pingo era um relampo parceiro pra qual quer lida
Bufando, mascando o freio num que perigasse a vida.

Foi num surungo de rancho num cafundó do meu pago
Uma prenda flor e flor, olhar manso mãos de afago
Me vi nos braços da china numa vaneira macia
Seu olhar engoliu meus olhos que nem vi clarear o dia.

Foi tamanho este cambicho que antes de findar o embalo
Rumbeei pro rancho com a prenda na anca do meu cavalo;
Por roubar fui condenado a uma cadeia de abraços
Larguei rodeios e farras quase nada agora eu faço.

Coitado do meu cavalo, meu baio de estimação
Que perdeu seu companheiro das farras do meu rincão
As vezes em campo a fora sai em louca disparada
Ventas abertas ao tempo até o fundo da invernada.

Eu então fico cismado olhando este bicho gente
Junto aos varais da mangueira sinto uma dor diferente
Vem a noite e o meu cavalo relicha lá no galpão
E passa olhando em silencio com raiva no coração.


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

PAGO: Lugar em que se nasce, de origem

PINGO: Afetivo de cavalo de estimação.

SURUNGO: Baile de baixa categoria.

RANCHO: Primeira habitação erguida no Continente de São Pedro, edificada com material que abundava no local (leiva, torrão, pedra ou pau-a-pique e barreado), coberto com quincha.

CAFUNDÓ: Lugar ermo e solitário.

PRENDA: Jóia, relíquia, presente (dádiva) de valor; em sentido figurado, é a moça gaúcha porque ela é jóia do gaúcho.

CHINA: Mulher mameluca (primeira companheira do gaúcho).

CAMBICHO: Apego ou paixão por uma china, ou por um peão.

RINCÃO: Lugar isolado em fundo de campo.

MANGUEIRA: Grande curral.

GALPÃO: Tipo de edificação que com o rancho forma um conjunto habitacional no RGS; numa Estância ou numa Fazenda, abriga o alojamento da peonada solteira, os depósitos de rações, almoxarifados, apetrechos, aperos, galpão-do-fogo, etc.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Nos rodeios do meu pago em dia de marcação era eu e meu cavalo garboso alto do chão esta pingo era um relampo parceiro pra qual quer lida bufando, mascando o freio num que perigasse a vida.
Gaudéio por Excelência de Porca Véia

Com uma trajetória de sucesso Porca Véia em seu CD Gaudéio por Excelência, lançado em 1999, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Porca Véia.

Parceiros