Letra da música
Baile de Guacho
Os Monarcas

CD Alma de Pampa (2003)


Esta música está disponível para ouvir

Eu já fui me atracar num baile de guacho
Corcóvio de macho com tianga formosa
Tava precisando curtir uma saudade
Daquelas tardes com aprenda mimosa.
Sou daqueles cueras da marca campeira
Que vai pelas beiras piscando pras veias
Quarteio de anca tremendo o galpão
Derretendo garrão e alisando as tetéias.

Pra quem se arreganha vou só na picanha
Por que é manha que meu peito estufa
Sou um pé de valsa criado em zum-zum
Quando nasceu mussum eu já usava pantufa.

A choro de gaita a china corcoveia
Esse mel de abelha adoça esse cuera
Quem leva o destino num trancaço guapo
Sebe que o guaxo se não mama berra.
Então me atraco que nem carrapato
Nesse taco-a-taco de tremer o lampião
E faço as chinocas soltarem da toca
Pra ver quem enlota esta vanerão.


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

CHINA: Mulher mameluca (primeira companheira do gaúcho).

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Eu já fui me atracar num baile de guacho Corcóvio de macho com tianga formosa Tava precisando curtir uma saudade Daquelas tardes com aprenda mimosa.
Alma de Pampa de Os Monarcas

Com uma trajetória de sucesso Os Monarcas em seu CD Alma de Pampa, lançado em 2003, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Monarcas.

Parceiros