Letra da música
Amor Bandido
João Luiz Corrêa

CD Enchendo a Alma de Vaneira (2007)


Hoje ao entrar em nosso quarto
me deparo com o retrato
que deixou na despedida
lembro nosso amor foi tão bonito
parecia o infinito
mas não teve outra saída

aos poucos tudo se acabou
só a saudade restou
e por você eu choro aqui

ao lhe ver agora em outro braços
meu amor o que é que eu faço
pra voltar a ser feliz

eu já fiz tudo já fiz festa
fiz até o que não presta
essa doença não sara
amor bandido
que me maltrata
por ti sofro sua ingrata
por você enchi a cara

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Hoje ao entrar em nosso quarto me deparo com o retrato que deixou na despedida lembro nosso amor foi tão bonito
Enchendo a Alma de Vaneira de João Luiz Corrêa

Com uma trajetória de sucesso João Luiz Corrêa em seu CD Enchendo a Alma de Vaneira, lançado em 2007, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de João Luiz Corrêa.

Parceiros