Letra da música
Bate Mas Não Ganha
Os Monarcas

CD Perfil Gaúcho (2015)


Esta música está disponível para ouvir

De vez enquando é bom sair do sério
E fazer média com a madre canha
Que dá tempero à alma do gaudério
Que sai pros bailes balançar picanha

O mundo é louco e louco que não sabe
Que as percantas vivem de artimanha
Aproveitando antes que o mundo acabe
Enquanto cabe, vivo só na manha

(Quem vence todas não fala a verdade
Não há vaidade comer pão com banha
Quem não conserva a própria identidade
Entra no jogo, bate, mas não ganha)

Coisas e causos que essa orelha escuta
Quem é da luta muito pouco estranha
Vida malvada e cheia de arapuca
Mesmo mais forte, por vezes apanha

Quando me apego, me prendo por conta
Se perco a voz, me defendo na sanha
O tempo feio jamais me espanta
Daí que sai a corangem tamanha

(Quem vence todas não fala a verdade
Não há vaidade comer pão com banha
Quem não conserva a própria identidade
Entra no jogo, bate, mas não ganha)

Compartilhe

(letra e música para ouvir) De vez enquando é bom sair do sério E fazer média com a madre canha Que dá tempero à alma do gaudério Que sai pros bailes balançar picanha
Perfil Gaúcho de Os Monarcas

Com uma trajetória de sucesso Os Monarcas em seu CD Perfil Gaúcho, lançado em 2015, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Monarcas.

Parceiros