Letra da música
Abraçando Meu Pai
Zé Moraes

CD Sina de Campeiro (2000)


(Ardovilo r. Santos/ Zé Moraes)

Quantas coisas neste mundo, que eu tenho observado
Quantas relíquias perdidas que ficaram no passado
Lembranças longas da vida, na estrada que longe vai
Estou cantando pra alguém, que eu amo e quero bem
É pra ti meu velho pai

Se tenho muita alegria na vida quero ter mais
Eu sempre tenho guardado versos que da idéia sai
Falo da honestidae, da bondade e tudo mais
É amizade colorida, tudo o que sou nesta vida
Eu devo tudo ao meu pai

Primeiro lhe devo a vida, querida foi suas mãos
Devo o amor e o carinho, que ganhei de geração
Devo-le a felicidade e o amor no coração
E falo sem preconceito, devo o valor e o respeito
Presente da educação

Cantando fiz estes versos, versos que saiu rimado
Através desta canção, vou mandando o meu recado
Papai le abraço cantando hoje estou emocionado
Por nde estiver presente, mando alegre e contente
O meu abraço apertado

No verço pesso aos amigos, que estão me escutando
Quem tem o seu pai querido, do velhinho vá zelando
Trate com muito carinho, le ame e le queira bem
Abraçar nunca é demais, um dia tu vai ser pai
Ser abraçado também

Compartilhe

(letra e música para ouvir) (Ardovilo r. Santos/ Zé Moraes) Quantas coisas neste mundo, que eu tenho observado Quantas relíquias perdidas que ficaram no passado
Sina de Campeiro de Zé Moraes

Com uma trajetória de sucesso Zé Moraes em seu CD Sina de Campeiro, lançado em 2000, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Zé Moraes.

Parceiros