Letra da música
Pataquero
Grupo Marcação

CD Baile Gaúcho (2016)


Tive notícia que no rancho do polaco
Tem um matungo veiaco de arrastar a cara no chão 2x

Só nego mário que se agarra nos arreios
E se rodar eu meu boleio já de cabresto na mão 2x

Eu fui criado na estância do arvoredo
E pra domar tenho segredo que eu herdei do meu avô 2x

Quebro do queixo pra depois domar debaixo
E quando encilho quebro o cacho pra saberem quem eu sou 2x

Quando eu nasci quiseram me botar fora
Mas o tinido da espora é que me fez ressuscitar 2x

Com três mangaços e um grito no pé do ouvido
Eu me acordei sem um gemido e nem vontade de chorar 2x

Por isso eu vivo taureando com a judiaria
Mas nem bem clareia o dia já sei a lida de cor 2x

Faço do potro um amigo dos arreios
E se arrebentar pelo meio saio na parte maior 2x


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

RANCHO: Primeira habitação erguida no Continente de São Pedro, edificada com material que abundava no local (leiva, torrão, pedra ou pau-a-pique e barreado), coberto com quincha.

MATUNGO: Cavalo de pouca qualidade.

CABRESTO: Apero de couro cru que prende-se ao buçal (pela cedeira ou fiador).

ESTÂNCIA: Grande estabelecimento rural (latifúndio) com uma área de 4.356 hectares (50 quadras de sesmaria ou uma légua) até 13.068 hectares (150 quadras de sesmaria ou três léguas), dividida em Fazendas e estas em invernadas.

POTRO: Cavalo novo que ainda não levou lombilho.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) tive notícia que no rancho do polaco tem um matungo veiaco de arrastar a cara no chão 2x só nego mário que se agarra nos arreios e se rodar eu meu boleio já de cabresto na mão 2x
Baile Gaúcho de Grupo Marcação

Com uma trajetória de sucesso Grupo Marcação em seu CD Baile Gaúcho, lançado em 2016, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Grupo Marcação.

Parceiros