Letra da música
Lá das Bibocas
Grupo Oh de Casa

CD Sempre Gaúcho (2014)


Sou peao de estancia
Tenho orgulho do que faco
Sou desses tauras
Criado bem ao rigor
Me agrada muito
O tilintar das chilenas
E as cantilenas dos flecos do tirador
Aquerenciado nos bolichos de campanha
Gosto da canha
E do pano verde estendido
Dum bom churrasco
E de ouvir o toque de gaita
Pra bater casco
Num galpao de chao batido

De campo e mato
Criado la nas bibocas
E destrinchado na lida de castracao
Gosto da farra
Pra gastar o taco da bota
Numa vaneira macota
Num surungo de galpao

Sou meio xucro
Temperado no minuano
Jeito aragano
De quem nasceu la pra fora
Eu nao me prendo
Com esta vida da cidade
Minha liberdade
E na roseta da espora
Enforquilhado num ventena
Eu me sustento
Gastando o tempo
Em rodeio e camperiada
Pra ser feliz
Me basta o lombo do cavalo
E um bailezito
Pra dancar ate a madrugada

De campo e mato...


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

FLECOS: Franjas do “Tirador” (pilcha de trabalho).

RETACO: Vivente de pequena estatura, porém, entroncado e forte.

SURUNGO: Baile de baixa categoria.

ROSETA: Peça circular (dentada ou pontiaguda) da espora.

RODEIO: Reunião para cuido, que se faz do gado.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) sou peao de estancia tenho orgulho do que faco sou desses tauras criado bem ao rigor
Sempre Gaúcho de Grupo Oh de Casa

Com uma trajetória de sucesso Grupo Oh de Casa em seu CD Sempre Gaúcho, lançado em 2014, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Grupo Oh de Casa.

Parceiros