Letra da música
A Mulher e o Cavalo
Mano Lima

CD Batendo Estribo (2013)


Esta música está disponível para ouvir

(João Sampaio, Mano Lima)

Foi andando pelo mundo
Do jeito que um taura quer
Que descobri muitas coisas
Entre o cavalo e a mulher.

Mulher feia,meu parceiro
Mesmo ponteando a tropilha
É como cavalo aporreado
Ninguém "gava" e nem encilha!

Mulher ciumenta amigaço
Por mais que seja prendada
É como cavalo torto
Sempre arisca e desconfiada!

Mulher rica e querendona
É parelheiro no jardeio
Todo mundo elogia
E cobiça pros arreios!

Mulher braba e caborteira
Parece jaguatirica
É igual matungo queixudo
Pega o freio e "adeus tia chica!"

China que dá faladeira
Passa o dia matraqueando
É cavalo de mascate
Anda vendendo e comprando!

A mulher desaforada
Por mais que tenha respeito
É como pilungo coiceiro
Tem que se chegar com jeito!

Mulher solita sem dono
Por linda não perde a vaza
É cavalo de tropeiro
Desses que não pára em casa!

Com mulher dengosa e sardenta
E cavalo passarinheiro
Abre o olho meu "ermão"
Sempre alerta companheiro!

Já a mulher namoradeira
Devereda ela se entrega
E igual matungo sogueiro
Em qualquer parte se pega!

Mulher prenha e barriguda
É como cavalo cilhão
Anda co'a cincha nosovaco
Sempre perdendo o xergão!

Mulher que logra o marido
(Isso aprendi a duras custas!)
É igual bagual caborteiro
De qualquer coisa se assusta!

Mia muié e o meu cavalo
Morreram no mesmo dia
Antes morresse a muié
O cavalo é que eu queria
Cavalo custa dinheiro
E muié não faltaria.


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

TAURA: Vivente que se pode recomendar.

MATUNGO: Cavalo de pouca qualidade.

PILUNGO: Cavalo imprestável.

CINCHA: Apero da encilha que serve para apertar os arreios.

BAGUAL: excelente, bom, ótimo ou cavalo xucro

Compartilhe

(letra e música para ouvir) (João Sampaio, Mano Lima) Foi andando pelo mundo Do jeito que um taura quer

Parceiros