Letra da música
Angustia e Tristeza
Os Milongueiros

LP Baile dos Vampiros (1976)


Bruno Neher / Leonir

Desesperado eu ando a procura
De lenitivo pra meu desencanto
Estou possuído de tanta tristeza
E não consigo conter o meu pranto
Pranto amargo que deixa em meu rosto
Sulcos fundos de magoa e de dor
Cicatrizes que além de ferir
Me denunciam como um sofredor.

Estou cercado de angustia e tristeza
Tem um inferno no meu coração
Tantos anos de vida em comum
Destruídos por uma traição.

Um mundo triste vejo a minha frente
Todos os meus sonhos estão destruídos
Quase enlouqueço quando recordo
Dias felizes por nós dois vividos.
Mesmo morrendo de angustia e de raiva
Não pretendo vingar-me se quer
O que se planta um dia se colhe
Por isso seja o que Deus Quiser.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Bruno Neher / Leonir Desesperado eu ando a procura De lenitivo pra meu desencanto
Baile dos Vampiros de Os Milongueiros

Com uma trajetória de sucesso Os Milongueiros em seu LP Baile dos Vampiros, lançado em 1976, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Milongueiros.

Parceiros