Letra da música
Acordeona
Gildo de Freitas

LP Gildo de Freitas VIVO (1993)


De madrugada quando dia vem raiando
Eu to tomando no meu rancho chimarrão
E pra tristeza não ser muita no ranchinho

"a acordeona faz carinho e alegra meu coração
Ah acordeona tu te recorda da tua dona
Ah acordeona tu te recorda da tua dona"

Quando enxergo teu retrato na parede
Eu fico doido perco a sede me deito não tenho sono
Minha acordeona reconhece a pobrezinha
Que a gaúcha que era minha ta na mão do outro dono

"ah acordeona tu te recorda da tua dona
Ah acordeona tu te recorda da tua dona"

Minha acordeona quando toca sempre diz
Que ao infeliz também chegará seu dia
Se acordeona disser isso com certeza
Leve a tristeza e depois traga a alegria

"ah acordeona tu te recorda da tua dona
Ah acordeona tu te recorda da tua dona"

Eu já te amei como os anjos amavam a lira
Eu já te adorei como anjos adoram a deus
Mas não enxergo em teu olhar esperança
Até nem quero ser feliz nos braços teus

"ah acordeona da um desprezo na tua dona
Ah acordeona da um desprezo na tua dona"


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

RANCHO: Primeira habitação erguida no Continente de São Pedro, edificada com material que abundava no local (leiva, torrão, pedra ou pau-a-pique e barreado), coberto com quincha.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) de madrugada quando dia vem raiando eu to tomando no meu rancho chimarrão e pra tristeza não ser muita no ranchinho "a acordeona faz carinho e alegra meu coração
Gildo de Freitas VIVO de Gildo de Freitas

Com uma trajetória de sucesso Gildo de Freitas em seu LP Gildo de Freitas VIVO, lançado em 1993, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Gildo de Freitas.

Parceiros