Letra da música
Cheiro De Vida
Os Mirins

LP Postal Sul (1983)


Quando vejo uma acordeona nos braços de um bom gaiteiro
e o choromingo das primas nos dedos de um guitarreiro
uma garganta afinada cantando como cigarra
eu fico todo ouriçado sentindo cheiro de farra.

quando sinto meu três listas corcoveando que nem guacho
e um bom gole de canha me descendo goela abaixo
se algum qüera maleva me olhar de cara feia
eu fico todo ouriçado e sinto cheiro de peleia.

quando chego numa festa faceiro e refestelado
uma china querendona se bobeia pro meu lado
diz que pro resto da vida a seu lado é o parador
com o corpo todo ouriçado sinto cheiro de amor

e quando o mate da aurora eu sorvo de trago em trago
que vejo o sol que vem vindo pra iluminar esse pago
dou graças ao criador dessa querência querida
e fica todo ouriçado sentindo cheiro de vida.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Quando vejo uma acordeona nos braços de um bom gaiteiro e o choromingo das primas nos dedos de um guitarreiro uma garganta afinada cantando como cigarra eu fico todo ouriçado sentindo cheiro de farra.
Postal Sul de Os Mirins

Com uma trajetória de sucesso Os Mirins em seu LP Postal Sul, lançado em 1983, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Mirins.

Parceiros