Letra da música
Volte Papai
Teixeirinha

LP Saudades de Passo Fundo (1963)


Quase todas minhas letras
É uma realidade
pois esta, escute bem
que é a pura verdade

no rio grande, aonde eu moro
ouvi na minha cidade
um apelo pelo rádio
de uma menor idade

a carta de uma menina
pedindo por caridade:
‘eu choro por uma causa
meus olhos de água se arrasa
papai, volte para casa
pra eu não morrer de saudade’

o locutor leu a carta
que a menina mandou
quem estava perto de mim
junto comigo chorou:

‘papai do meu coração
porque me abandonou?
está fazendo muitos anos
que se foi e não voltou

fome, frio, papai amado
sua filhinha passou
como é triste o meu caminho
volte agora, papaizinho
vem trazer muito carinho
que esta filha não ganhou’

eu também faço um apelo
pra este pai sem coração
vai ver a tua filhinha
que chora na solidão

está ficando mocinha
precisa de proteção
leve o carinho de pai
pra esse anjo estenda a mão

seja um homem, não um monstro
deve ter compreensão
É o conselho de um amigo
faz assim como eu te digo
que deus esquece o castigo
te protege e dá o perdão

volte, volte, papaizinho
ela disse: ‘pai amado
a mamãe está doente
e não tem mais trabalhado

eu quero ver o senhor
saudades tem me judiado
papai, quando estou dormindo
contigo tenho sonhado’

que voltaste, papaizinho
depois de anos ‘passado’
‘aqui encerro a cartinha
sou maria terezinha
beijos da sua filhinha
volte, paizinho adorado’


em: http://revivendoteixeirinha.wordpress.com/2008/01/05/mundo-teixeirinha-edicao-14/

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Quase todas minhas letrasÉ uma realidadepois esta, escute bemque é a pura verdadeno rio grande, aonde eu moroouvi na minha cidadeum apelo pelo rádiode uma menor idadea carta de uma meninapedindo por caridade:‘eu choro por uma causameus olhos de água se arrasapapai, volte para casapra eu não morrer de saudade’o locutor leu a cartaque a menina mandouquem estava perto de mimjunto comigo chorou:‘papai do meu coraçãoporque me abandonou?está fazendo muitos anosque se foi e não voltoufome, frio, papai amadosua filhinha passoucomo é triste o meu caminhovolte agora, papaizinhovem trazer muito carinhoque esta filha não ganhou’eu também faço um apelopra este pai sem coraçãovai ver a tua filhinhaque chora na solidãoestá ficando mocinhaprecisa de proteçãoleve o carinho de paipra esse anjo estenda a mãoseja um homem, não um monstrodeve ter compreensãoÉ o conselho de um amigofaz assim como eu te digoque deus esquece o castigote protege e dá o perdãovolte, volte, papaizinhoela disse: ‘pai amadoa mamãe está doentee não tem mais trabalhadoeu quero ver o senhorsaudades tem me judiadopapai, quando estou dormindocontigo tenho sonhado’que voltaste, papaizinhodepois de anos ‘passado’‘aqui encerro a cartinhasou maria terezinhabeijos da sua filhinhavolte, paizinho adorado’em: http://revivendoteixeirinha.wordpress.com/2008/01/05/mundo-teixeirinha-edicao-14/
Saudades de Passo Fundo de Teixeirinha

Com uma trajetória de sucesso Teixeirinha em seu LP Saudades de Passo Fundo, lançado em 1963, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Teixeirinha.

Parceiros