Letra da música
Beijo da Velha
Os Monarcas

LP Os Trovadores do Sul (1969)


Uma vez fui numa festa
Mas minha sorte foi pouca
Na hora que eu fui cantar
Minha voz estava rouca
Naquilo chega uma velha
Desmiolada, meio louca
No meio de tanta gente
Quis me dar um beijo na boca

Me contaram que esta velha
Pra beijar não é brinquedo
Já beijou Ademar Silva
Tiaraju fugiu de medo
O gaúcho José Mendes
Foi cantar o "Para Pedro"
Levou um beijo na boca
Que saiu cuspindo azedo

Foi numa noite chuvosa
Que a velha pintou o sete
Beijou o Darci Fagundes
E o Nelson da Jeanete
Com Luis Miler e os Xirus
A mesma cena repete
Luiz Menezes foi esperto
Defendeu-se a canivete
Ela beijou os Araganos
E quando parou a chuva
Beijou a Dupla Mirim
O Xará e o Timbauva
Miguelzinho se escondeu
Numa parreira de uva
Dorinho ficou gamado
Pelo beijo da viúva

Diz que a velha quando cisma
Dá dez beijos por segundo
Já beijou o Teixeirinha
Numa festa em Passo Fundo
Beijou os Irmãos Bertussi
Santinho e Pedro Raimundo
Beijou o Gildo de Freitas
Na frente de todo mundo
Eu xinguei aquela velha
Sai de mim feição de bruxa
Parente de lobisomem
Fantasmada de gaúcha
Senão eu perco a paciência
Te dou um tiro de garrucha
Ela me pegou a força
E bejou a queima bucha

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Uma vez fui numa festa Mas minha sorte foi pouca Na hora que eu fui cantar Minha voz estava rouca
Os Trovadores do Sul de Os Monarcas

Com uma trajetória de sucesso Os Monarcas em seu LP Os Trovadores do Sul, lançado em 1969, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Monarcas.

Músicas do Álbum
Publicidade

bitbinary.net

Parceiros