Letra da música
A Saudade Não Me Assusta
Os Monarcas

CD Os Sucessos do Grupo Os Monarcas (1996)


Na cancela do meu peito a saudade deu oh, de casa
Quase me pega de jeito, mas eu não sei a vasa
Passei a mão na cordeona recebi ela cantando
Saudade virou de volta e foi embora chorando.

A saudade é um bichinho que rói o peito da gente
Mas quando eu abro a cordeona não tem saudade que agüente.

Já tive amor de verdade que jurei não mais amar
De tanto sentir saudade eu aprendi a cantar;
A saudade traiçoeira chega sempre em hora errada
Mas no peito de quem canta saudade não faz morada.

Dizem que a saudade mata, mas isso que eu quero ver
Eu só sei que ela maltrata nunca vi ninguém morrer;
Amar alguém que esta longe só eu sei o quanto custa
Mas com a cordeona nos braços a saudade não me assusta.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) Na cancela do meu peito a saudade deu oh, de casa Quase me pega de jeito, mas eu não sei a vasa Passei a mão na cordeona recebi ela cantando Saudade virou de volta e foi embora chorando.
Os Sucessos do Grupo Os Monarcas de Os Monarcas

Com uma trajetória de sucesso Os Monarcas em seu CD Os Sucessos do Grupo Os Monarcas, lançado em 1996, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Os Monarcas.

Parceiros