Letra da música
Gigolô, de Bailão
Grupo Querência

CD Campeiros e Urbanos (1998)


Passei o mês inteiro lidando no campo
Sempre dormindo em pelego e mal acomodado
Levantando antes do dia, curando bicheira
Remendando cerca, carpindo o cerrado

So no fim do mês
Eu tenho um dia de folga
Pra dar uma campereada num baile carrera
Sonho com aquela morena dançando nos braços
Me da coceira no pé pegando a vanera

Capricha o fole seu gaiteiro
Toque uma vanera
Dessas de bater com a bota
E levantar poeira do chão
Num floreio bem comprido
Faz uma balaca
Que eu quero dançar com a prenda
Dona do meu coração

Pede o que beber e poe na minha conta
Uma cerveja gelada, pastel, salgadinho
To com a guaiaca recheada, tu pedes eu pago
Tenho dinheiro bastante e medo pouquinho

Deixe que fale de mim que eu boto tudo fora
O que eu ganho o mês inteiro eu gasto no bailão
Boi solto se lambe todo e eu não to nem aí
Sem mulher pra dar vestido
E nem cocota pra dar pão


Algumas palavras contidas nesta letra estão em nosso dicionário de gauchês

GUAIACA: Cinturão de gaúcho, com algibeiras.

Compartilhe

(letra e música para ouvir) passei o mÊs inteiro lidando no campo sempre dormindo em pelego e mal acomodado levantando antes do dia, curando bicheira remendando cerca, carpindo o cerrado
Campeiros e Urbanos de Grupo Querência

Com uma trajetória de sucesso Grupo Querência em seu CD Campeiros e Urbanos, lançado em 1998, reporta ao público músicas que reforçam a grandeza e o orgulho pela tradição de cultuar o que é do Sul. Acompanhe e divulgue a música do RS ao som de Grupo Querência.

Parceiros